Claudio Space

Por que viver é aprender!

Coursera.org – Ensino superior online por 4 grandes universidades

Posted by CLAUDIO ALVES em 22/05/2012

Assim como Harvard e MIT, outras quatro universidades de ponta também anunciaram a criação de uma plataforma conjunta para oferta de cursos on-line. Princeton, Michigan, Pennsylvania e Stanford se reuniram no Coursera, site único que abriga conteúdo exclusivo, produzido por elas mesmas. Todas as aulas são livres, gratuitas e 100% on-line. Cumpridos os requisitos de notas e atividades, os estudante ainda recebem um certificado de conclusão.

Andrew Ng é professor assistente de ciências da computação em Stanford, e ele tem uma maneira bastante simpática de explicar como a nova empresa de ensino interativo online da qual ele é cofundador, a Coursera, espera revolucionar o ensino superior ao permitir que estudantes de todo o mundo assistam a diversas aulas.

“Normalmente, costumo lecionar para 400 alunos”, explicou Ng. Mas, no último semestre, ele deu aula para 100 mil num curso online de aprendizagem de máquina. “Antes, para chegar a tal número de alunos, eu teria de dar as aulas do meu curso normal de Stanford por 250 anos”.

Bem-vindo à revolução no ensino das universidades. Grandes avanços ocorrem quando aquilo que se torna subitamente possível encontra-se com aquilo que é desesperadamente necessário.

Os cursos contarão com vídeos, enquetes e fóruns colaborativos em várias disciplinas, inclusive administração, medicina, ciências sociais, literatura, matemática e ciência da computação, entre outros.

Plataforma. “As universidades produzem o conteúdo e são donas dele, e nós somos a plataforma que o hospeda e retransmite via streaming”, explicou Daphne Koller, professora de ciências da computação em Stanford que fundou a Coursera em parceria com Ng depois de ver dezenas de milhares de estudantes seguindo as aulas de Stanford oferecidas gratuitamente por eles na rede.

Embora as aulas sejam em inglês, os estudantes têm formado grupos de estudo em seus países para ajudarem uns aos outros. O maior número de matrículas vem dos EUA, Grã-Bretanha, Rússia, Índia e Brasil. “Um estudante iraniano enviou-me um e-mail dizendo que tinha descoberto um modo de baixar os vídeos das aulas e os estava gravando em CDs, divulgando-os”, disse Ng.

“Acabamos de ultrapassar a marca de um milhão de matrículas.” Para tornar o aprendizado mais fácil, a Coursera divide as palestras em segmentos curtos e oferece questionários online, cujo resultado pode ser avaliado pelo próprio aluno, para ajudar na fixação de cada ideia.

Em cada curso, os estudantes publicam questões num fórum online. As perguntas são vistas por todos, que votam naquelas que deveriam receber mais atenção. “Assim, as perguntas mais úteis logo chegam ao topo da lista, enquanto as perguntas menos interessantes vão parar no fim dela”, disse Ng. “Com 100 mil alunos, é possível registrar cada pergunta feita. Trata-se de uma imensa mina de dados.” Além disso, se um aluno tiver uma pergunta a respeito da palestra do dia, embora seja manhã no Cairo e em Stanford ainda sejam 3 horas, não há problema. “Sempre há em algum lugar alguém disposto a responder sua pergunta” depois que ela é publicada, disse Ng.

Essas plataformas de ensino de alta qualidade podem permitir que universidades comunitárias americanas “invertam” suas salas de aula.

Fontes: Estadão.com.br e porvir.org

2 Respostas to “Coursera.org – Ensino superior online por 4 grandes universidades”

  1. na revista veja de 2 de abril de 2013,na pagina 108 tem uma informação do curso introdução ao pensamento matemático; como eu consigo me escrever?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s